Frederico Morais surpreendeu tudo e todos com uma melhoria significativa no seu "aproach" e  jogo de rail às pequenas ondas de Trestles Frederico Morais surpreendeu tudo e todos com uma melhoria significativa no seu "aproach" e jogo de rail às pequenas ondas de Trestles

Itens relacionados

segunda, 11 setembro 2017 22:32

UM FREDERICO MORAIS SURPREENDENTE PASSA À RONDA 3 EM TRESTLES

As previsões estavam certas e a oitava etapa do World Champioship Tour da WSL arrancou esta segunda feira, em Trestles, Califórnia.

 

Ondas pequenas com sets de quase 1 metro quebravam com alguma inconsistência na famosa praia de Trestles, palco da oitava etapa do tour de Elite da World Surf League. Esta etapa que antecede a perna Europeia (França e Portugal) tem uma importância decisiva na luta pelo título Mundial assim como na luta pelos lugares cimeiros do ranking Mundial WCT da World Surf League.

 

Aliás a inconsistência era tal que logo no primeiro heat da competição, com Adriano de Sousa(Br), Miguel Pupo(Br) e Wiggoly Dantas(Br) houve necessidade que se fazer um heat restart devido à falta de ondas durante o inicio da eliminatória.

 

Nesta saga Californiana, foram diversos os surfistas de topo que se viram relegados para a ronda dois, Os Australianos Owen Wright e Matt Wilkinson foram os nomes mais sonantes, quando respetivamente no heat 3 e heat 4 desta primeira ronda perdiam no 2º posto. O primeiro para Jeremy Flores (Fr) e o segundo para Bede Durbige. Por outro lado e com uma consistência incrível, à qual aliás já tem vindo a habituar os seus fãs, John John Florence (Haw) e Filipe Toledo(Br) passavam as suas baterias com distinção diretamente para a ronda 3. 

 

Frederico era o surfista mais esperado pelo público Português. A expectativa sobre qual seria a performance do seu mais querido atleta, nesta onda e nestas condições, era grande. O coeficiente de dificuldade da bateria era alto para os três atletas, Frederico encontrava dois surfistas que costumam efetuar performances elevadas neste tipo de condições, o Californiano Kolohe Andino, surfista local, assim como o prodígio Australiano Jack Freestone. Jack Freestone começava a bateria com uma onda média pontuada na casa dos 5 pontos, mas o mais surpreendente estava para acontecer, Frederico esperava 8 minutos, escolhia uma onda do set e demonstrava uma evolução no seu surf de rail, com rotações bastante mais eficazes e intensas do que alguma vez antes tínhamos visto, o atleta profissional Português faz uma onda próxima da perfeição e colocava toda a assistência empolgada com a sua performance. A história da bateria não se alterou até ao final, tendo Frederico efetuado um back up de 5,43 pontos em 10 possíveis e beneficiando também da falta de ondas nos minutos finais da bateria, que não permitiam uma resposta dos seus adversários.

 

Revê o heat aqui:

 

Frederico Morais passou assim à ronda três da prova e deixa todos os seus fãs com água na boca para perceber o que mais poderá acontecer nesta etapa.

Segue a prova em direto clicando aqui.

 

Resultados Round 1:

Heat 1:Adriano de Souza (BRA) 14.50, Miguel Pupo (BRA) 9.67, Wiggolly Dantas (BRA) 6.90

Heat 2: Julian Wilson (AUS) 13.27, Caio Ibelli (BRA) 10.90, Jadson Andre (BRA) 10.84

Heat 3: Jeremy Flores (FRA) 14.40, Owen Wright (AUS) 12.63, Josh Kerr (AUS) 11.17

Heat 4: Bede Durbidge (AUS 13.43, Matt Wilkinson (AUS) 10.20, Ethan Ewing (AUS) 6.33

Heat 5: John John Florence (HAW) 16.07, Italo Ferreira (BRA) 15.90, Hiroto Ohhara (JPN) 12.40

Heat 6: Jordy Smith (ZAF) 13.23, Ian Gouveia (BRA) 10.70, Evan Geiselman (USA) 9.76

Heat 7: Gabriel Medina (BRA) 13.67, Nat Young (USA) 13.03, Adrian Buchan (AUS) 9.30

Heat 8: Conner Coffin (USA) 14.67, Stu Kennedy (AUS) 6.67, Joel Parkinson (AUS) 4.66

Heat 9: Filipe Toledo (BRA) 17.60, Leonardo Fioravanti (ITA) 15.86, Joan Duru (FRA) 14.07

Heat 10: Sebastian Zietz (HAW) 16.83, Connor O’Leary (AUS) 9.26, Kanoa Igarashi (USA) 7.90

Heat 11: Frederico Morais (PRT) 14.90, Jack Freestone (AUS) 12.34, Kolohe Andino (USA) 8.13

Heat 12: Mick Fanning (AUS) 14.10, Ezekiel Lau (HAW) 13.43, Michel Bourez (PYF) 13.00

 

Resultados Round 2 (Heats 1 - 4):

Heat 1: Evan Geiselman (USA) 15.50 def. Matt Wilkinson (AUS) 12.96

Heat 2: Hiroto Ohhara (JPN) 15.73 def. Owen Wright (AUS) 15.43

Heat 3: Ethan Ewing (AUS) 11.03 def. Joel Parkinson (AUS) 9.07

Heat 4: Josh Kerr (AUS) 16.50 def. Connor O'Leary (AUS) 13.00

 

Round 2 (Heats 5 - 12 por realizar):

Heat 5: Kolohe Andino (USA) vs. Jadson Andre (BRA)

Heat 6: Michel Bourez (PYF) vs. Miguel Pupo (BRA)

Heat 7: Joan Duru (FRA) vs. Nat Young (USA)

Heat 8: Adrian Buchan (AUS) vs. Stuart Kennedy (AUS)

Heat 9: Wiggolly Dantas (BRA) vs. Leonardo Fioravanti (ITA)

Heat 10: Caio Ibelli (BRA) vs. Kanoa Igarashi (USA)

Heat 11: Italo Ferreira (BRA) vs. Jack Freestone (AUS)

Heat 12: Ian Gouveia (BRA) vs. Ezekiel Lau (HAW)

 

 

Perfil em destaque

Scroll To Top