A Praia de Matosinhos é uma das mais concorridas no Grande Porto. A Praia de Matosinhos é uma das mais concorridas no Grande Porto. Foto: Tó Mané

Itens relacionados

quarta, 10 janeiro 2018 15:10

Câmara de Matosinhos esclarece sobre a qualidade da água 

Direito de Resposta concedido à Câmara Municipal de Matosinhos… 

 

Relativamente à notícia do passado dia 6 de janeiro de 2018 (aqui), que revela resultados negativos obtidos na água da praia de Matosinhos, fazendo fé em testes efetuados pela Surfrider Foundation, realce-se, uma organização independente, eis que a Surftotal foi há pouco contactada pela Câmara Municipal de Matosinhos com esclarecimentos adicionais sobre este tema. 

 

Fazendo cumprir o Direito de Resposta, eis então a informação enviada pela CMM: 

 

Caros senhores:

 

Publicou esse site uma notícia relativa à qualidade da água na praia de Matosinhos, tendo por base uma alegada análise efetuada recentemente por uma organização denominada “Surfrider Foundation”, a qual coloca em causa, e de modo leviano, a qualidade de um recurso fundamental para a economia do concelho de Matosinhos. A Câmara Municipal de Matosinhos gostaria, por isso, de esclarecer que:

 

1. Ignora em que condições a referida análise terá sido efetuada, ou se cumpriu os protolocos científicos adequados. Sublinhamos, porém, a referência, na notícia, ao facto de a suposta recolha ter sido “realizada num período de elevada pluviosidade”, passível, portanto, de alterar as normais condições de descarga do rios que desaguam nas imediações da praia.

 

2. A situação descrita não tem qualquer correspondência com os resultados da monotorização que, desde 2016, a CMM e a Agência Portuguesa do Ambiente têm mantido em permanência nesta e noutras praias do concelho, conforme previsto no âmbito do plano de monitorização da construção do tratamento secundário da ETAR de Matosinhos. Foram efetuadas, refira-se, 3 recolhas de amostras por semana, daqui resultando um total de 180 análises realizadas na praia de Matosinhos.

 

3. De acordo com as análises efetuadas às águas balneares nos últimos quatro anos pela Agência Portuguesa do Ambiente, a água da praia de Matosinhos obteve a classificação de “Excelente”, podendo inclusivamente ser candidatada à Bandeira Azul.

 

4. A alegada presença de animais mortos a boiar nas águas, relatada na notícia supracitada, não foi por nós constatada em nenhum momento, nem tem sido reportada à CMM. Segundo informações por nós recolhidas junto da Agência Portuguesa do Ambiente, estes episódios foram verificados, isso sim, nas praias de Espinho, Gaia e Póvoa do Varzim. Todavia, sendo a praia de Matosinhos uma praia urbana e localizada junto à foz de dois rios, é verosímil que tal situação possa ocorrer pontualmente. Ainda recentemente, recordamos, desaguaram na praia de Matosinhos as cinzas resultantes dos fogos florestais do verão, trazidas pelo caudal do rio Douro.

 

A Câmara Municipal de Matosinhos espera, pois, que este esclarecimento possa contribuir para repor a verdade e afastar o alarme injustificado que a v/ notícia possa ter gerado entre os praticantes de surf e a população em geral.

 

- Jorge Marmelo, CMM

 

Live Cam Matosinhos

--

>> Segue-nos no Facebook & Instagram <<

Perfil em destaque

Scroll To Top