Gabriel Medina venceu primeiro teste feito em setembro. Gabriel Medina venceu primeiro teste feito em setembro. Foto: WSL

Itens relacionados

sexta, 17 novembro 2017 22:44

Confirmado! Surf Ranch no World Tour de 2018!

À porta do fim de semana, a WSL lança novidade bombástica... 

 

A World Surf League acaba de revelar, através de comunicado oficial, que o Surf Ranch, as instalações onde se encontra a piscina de ondas desenvolvida por Kelly Slater, em Lemoore, Califórnia, irá receber os melhores surfistas do mundo no calendário do World Championship Tour 2018. 

 

“Com base nos resultados obtidos no evento que serviu de teste e no feedback recolhido através dos atletas que treinaram nas instalações esta época, o próximo evento em setembro tem potencial para ser algo especial, quer para os fãs quer para os atletas,” começou por dizer Sophie Goldschmidt, CEO da WSL, acrescentando que “estamos apenas a tentar perceber como esta tecnologia pode ser aplicada e mudar por completo a face do desporto”. 

 

Na verdade desde dezembro de 2015 que as instalações do Surf Ranch têm vindo a sofrer afinações constantes e a evoluir a sua tecnologia. O último teste feito em setembro forneceu aos responsáveis da WSL resultados muito positivos em termos de experiência competitiva e apoio importante dos atletas. Isto acabou por encorajar a WSL a avançar para uma etapa do WCT, neste local, já em 2018. Esta decisão era, a bem dizer, francamente expectável para breve.

 

 

O australiano Adrian Buchan, que além de competidor do CT é também o representante dos atletas que nele participam, disse que “a experiência de competir no Surf Ranch é extraordinária. O que a equipa criou é difícil de absorver à primeira vista - ondas perfeitas a correr por centenas de metros, para ambos os lados, algures no meio de uma zona rural dos Estados Unidos. Eu não tenho dúvida que tanto a qualidade da onda como a experiência irá beneficiar a realização de um evento do CT. O Oceano será sempre a nossa casa, mas à medida que crescemos é interessante e deveras excitante podermos mostrar o que é o Surf a novas audiências”. 

 

Em comunicado enviado há pouco, a WSL deixou ainda saber que o calendário completo de 2018 será revelado na próxima semana. Uma última nota para relembrar que o Surf Future, o tal campeonato que serviu de teste, em setembro, logo após o CT de Trestles, foi vencido por Gabriel Medina (resumo aqui). 

 

Fica sintonizado para mais novidades. 

 

 

 

 


Perfil em destaque

  • Constância Simões Constância Simões

    Esta semana fomos até à ponta sul do país, ao Algarve, falar com uma nova promessa do surf feminino… 

Scroll To Top