Itens relacionados

quinta, 05 novembro 2015 16:51

JOHN JOHN FLORENCE POUCO SATISFEITO COM COMPANHIA AÉREA

Em causa o tratamento dado a uma prancha nova que acabou em muito mau estado.

 

 

John John Florence não é, de todo, o surfista mais activo nas redes sociais. Mas desta feita usou a sua conta oficial do Instagram - onde tem cerca de 420 mil seguidores - para mostrar o seu desagrado com a companhia aérea Jet Blue. Fê-lo de forma irónica, mas eficaz. Isto a publicação tem sido inundada de críticas e de publicações de outros surfistas a quem foi dado semelhante tratamento pela empresa sediada em Nova Iorque.

 

Florence escreveu: “Quero agradecer à Jet Blue por tratarem desta forma o meu board bag e por me dizerem que não é da responsabilidade deles! Ahah paguei 500 dólares para ter este novo shape na minha prancha”.

 

Entre as vozes que se levantaram, destaque para CJ Hobgood, que publicou, também no Instagram, as seguintes palavras: “(…) talvez as companhias aéreas nunca venham a querer saber dos surfistas e das suas pranchas… assim seja. Mas por agora não vamos sem dar luta, conheço bem o quão educado e humilde é este miúdo (John John) e vejo com o estão a tratar mal, por isso vou acrescentar alguma gasolina a esta fogueira de injustiça que dura desde sempre.”

 

Embora existam recentes exemplos de uma maior sensibilidade das companhias aéreas para o transporte de pranchas (como o exemplo KLM), a verdade é que esta é uma ‘guerra’ antiga. Um coisa é certa: da péssima publicidade a Jet Blue já não se livra.


A companhia aérea entretanto comentou a notícia sem grande alarido, ao site Beachgrit, depois de tomarem conhecimento dos comentários que iam circulando. “Pelo que sabemos, o pessoal de embarque tentou falar com ele. Tinha quatro pranchas num só saco e nós temos regras muito específicas sobre ter apenas uma prancha por saco…”, referiu a fonte oficial.



Perfil em destaque

  • Francisco Pinto Francisco Pinto

    Diretamente do Magoito para o Perfil da Semana na Surftotal… 

Scroll To Top