Vasco Ribeiro é o único dos quatro que depende apenas dele próprio para alcançar o título nacional. Vasco Ribeiro é o único dos quatro que depende apenas dele próprio para alcançar o título nacional. Foto: Pedro Mestre/ANSurfistas

Itens relacionados

quinta, 07 setembro 2017 18:31

Quatro candidatos para um único título nacional

Vasco Ribeiro favorito a Campeão Nacional da Liga MEO Surf…

 

Vasco Ribeiro, Pedro Henrique, Tiago Pires e Miguel Blanco: são estes os quatro surfistas na corrida ao título de campeão nacional da Liga MEO Surf. A decisão final ocorrerá na Praia do Guincho, entre os dias 14 e 16 de setembro, no Bom Petisco Cascais Pro, última etapa da Liga em 2017.

 

A época vai longa, mas o principal galardão nacional da modalidade ainda está por entregar no masculino, acrescendo ainda o fator adicional de interesse no que toca ao MEO Wildcard, onde o campeão nacional será convidado a competir na etapa portuguesa do circuito mundial da World Surf League, o MEO Rip Curl Pro Portugal.

 

Vasco Ribeiro, líder atual do ranking, não esconde as suas ambições. Sendo apenas ele o único surfista com duas vitórias na Liga e prestes a competir em casa, é com naturalidade que o ex-tricampeão nacional assuma favoritismo na disputa.

 

"É uma prova importante pois está um título nacional mas também um wildcard em jogo. Vou tentar apresentar-me na minha melhor forma, até porque este é um mês muito importante para mim. Há valiosos pontos para tentar ganhar nas provas europeias do WQS e a Liga aparece no meio. Foi um ano muito positivo e estou confiante para tentar garantir mais um triunfo,” explica o surfista do Estoril.

 

Pedro Henrique, campeão nacional em título e vencedor também de uma etapa, surge na segunda posição do ranking, a precisar de um deslize de Ribeiro, mas confiante naquilo que é capaz de fazer e nos objetivos que estabeleceu para a derradeira etapa.

 

“A minha expectativa é fazer um bom campeonato e poder surfar bem, que é o que gosto de fazer. Não me ponho em lugar de pressão para conseguir o título e a vaga do mundial. Acho que tenho todo potencial para lá estar, mas tenho-me focado na minha evolução, na minha preparação para o WQS e na minha família,” refere o surfista, também ele residente em Cascais.

 

Já Tiago Pires, que entrou em 2017 com uma vitória na Liga, está na quarta posição do ranking e com algum trabalho para fazer em Cascais. Com vasta experiência competitiva e uma competitividade que não desvanece, Pires, que passou 7 anos no circuito mundial, sabe bem o que está em jogo.

 

“Matematicamente, está tudo em aberto. Os quatro candidatos são grandes surfistas e todos eles capazes de chegar à vitória. O campeonato do Guincho é muito importante pois vai decidir quem será o novo campeão da Liga bem como quem receberá o Wildcard. Há muita coisa em jogo e eu só espero fazer melhor figura do que na Praia Grande,” refere o surfista, entre sorrisos.

 

Também com hipóteses e numa excelente sequência de resultados na Liga surge Miguel Blanco. O ex-vice-campeão nacional, ainda não venceu este ano mas tem estado em grande forma na principal competição nacional de surf, pelo que vai para a derradeira etapa com ambição de vencer. “Surfar em casa sabe sempre bem e as minhas expectativas são altas. Gostava muito de alcançar a minha primeira vitória numa etapa da Liga nacional, visto que este ano fiz dois segundos lugares,” aponta.

 

Olhando para a matemática do título, Vasco Ribeiro é o único dos quatro que depende apenas dele próprio para alcançar o título nacional, no que seria a quarta vez que o conseguiria, igualando, assim, o recorde de Ruben Gonzalez. 

 

O surfista da Praia da Poça ganha o título automaticamente se chegar às meias-finais (3.º lugar). Caso Ribeiro fique pelos quartos-de-final (5.º lugar), Pedro Henrique fica obrigado a ganhar para revalidar o título obtido em 2016. 

 

Já Tiago Pires e Miguel Blanco apenas entram em cena se Vasco não for além do 9.º lugar, sendo que, neste caso, precisam mesmo de vencer.

 

Estão assim lançados os dados do que será uma competição a não perder. Boa sorte aos candidatos e a todos os competidores em ação!

Perfil em destaque

Scroll To Top