ActivoBank
domingo, 22 setembro 2013 00:00

GERAÇÃO "IDOSA" FOI CENTRO DE ATENÇÕES NA ERICEIRA

Houve hoje série de categorias dedicadas aos surfistas mais velhos que tiveram elementos desde os 40 aos 62 anos.

 2º Dia da 3ª Etapa Allianz Ericeira Billabong

Terminou hoje o circuito Intersócios do Ericeira Surf Clube com óptimas condições durante todo o dia. Tal como anunciado ontem.

O dia de hoje, Sábado, foi preenchido com as meias finais e finais das categorias que compõem este circuito, mais uma série de categorias dedicadas aos surfistas mais velhos que tiveram elementos desde os 40 aos 62 anos. Foi um dia bastante preenchido de surf em Ribeira com o pico a funcionar a 100% após a chegada do swell que se previa de período 15 segundos. Ondas de metro a metro e meio deliciaram os participantes.

Em relação aos resultados, e na categoria Sub14, destacaram-se as prestações de Simão Penha que viu o primeiro lugar fugir para Afonso Antunes, este ultimo mostrou um grande à vontade competitivo, e claro, muita gana de vencer . Ainda nesta categoria, destaque para Inês Bispo que atingiu a terceira posição seguida de Gabriel Ribeiro.

Na categoria Sub 18, Henrique ‘Neko’ Pyrrait voltou a vencer, totalizando assim três vitórias neste circuito. O surfista da Ericeira tem visto o seu esforço dos treinos reflectirem-se nos resultados obtidos, decerto que em breve irá começar a mostra-los também a nível nacional. Na segunda posição ficou Pedro Rua, outro surfista local, que não facilitou a vida a Neko tendo sido uma final bastante disputada. De relembrar que estes dois surfistas fizeram já alguns Pro-Juniores da ASP durante a temporada competitiva Europeia. Nas seguintes posições ficaram Vasco Diniz e Filipe Gonçalves.

A categoria Open foi vencida por Filipe Valadão, que numa final com ondas de metro perfeitas, deixou Filipe Teixeira e Ricardo Pires na segunda e terceira posição, e o jovem Sub 18 Pedro Rua em quarto. Nesta final foram medidas ondas surfadas com cerca de 33 segundos, o pico de Ribeira funcionou como já não se via há muito, com os sets a ligarem bem o outside com o inside.

Na categoria Master 35 anos, categoria que faz parte oficial do circuito, Gonçalo Dias, um dos competidores mais assíduos, viu a vitória sorrir-lhe deixando Rodrigo Ruivo, Filipe Fernandes e Nuno Carvalho nas seguintes posições do pódio.

No surf feminino, e num heat apenas composto por duas atletas, Cláudia Contreiras arrancou a vitória a Inês Bispo, que já tinha conseguido o terceiro lugar na categoria Sub14.

Tempo ainda para falar nas categorias Grand master (+40 anos), Kahuna (+45 anos), Grand Kahuna (+50 anos) e Jurassik Master (+60 anos), acabou por ser uma verdadeira reunião de antigos surfistas, que assim tiveram oportunidade de surfar na Ericeira praticamente sem crowd, num dia de ondas perfeitas e sem vento.

No final, Miguel Barata, Presidente do ESC, mostrava-se bastante satisfeito, e em declarações á SurfTotal afirma ‘foi uma excelente etapa com altas ondas, começou no sábado com ondas um pouco pequenas, mas no domingo esteve excelente mesmo, todos os atletas tiveram muito boas prestações, eu nem consigo destacar nenhum, dos mais novos aos atletas mais experientes. Ainda tivemos provas de Masters 40, 45, 50 e 60, tivemos um atleta com mais de 60 anos e todos deram o máximo, o tempo esteve extraordinário, mesmo com maré cheia as ondas não pararam, em suma um excelente final de circuito, merecíamos isto’

  • Créditos fotos: Rui Oliveira/Surftotal

Perfil em destaque

Scroll To Top