Andreas Noe Andreas Noe
quarta-feira, 19 agosto 2020 14:47

"O problema do lixo, principalmente plástico, nas praias portuguesas é enorme" - Andreas Noe

Um surfista e Biólogo Alemão residente em Portugal iniciou uma caminhada de 832 km pela Costa Portuguesa....

 

O Biólogo e surfista alemão Andreas Noe, iniciou um movimento de nome "The Plastic Hike". Esta iniciativa consiste numa caminhada de 832 km por toda a costa Continental de Portugal, durante dois meses. Teve inicio dia 15 de Agosto na foz do rio Minho.
 
Surftotal esteve à conversa com Andreas para perceber do que se trata esta caminhada "contra o plástico".
 

 

 

 

 

"Quando saía do meu escritório em Lisboa para ir surfar

 

deparava-me muitas vezes com esta realidade de lixo..."

 

 

 

Andreas Noe. Arquivo Pessoal

 

 

 

Surftotal:Como e porquê surgiu esta iniciativa?

Andreas Noe: Quando saía do meu escritório em Lisboa para ir surfar deparava-me muitas vezes com esta realidade de lixo, na sua maioria plástico nas praias por onde passava. Um dia decidi dedicar-me exclusivamente a  esta causa, a de consciencializar as pessoas. O The Plastic Hike é uma concretização da ideia mais ambiciosa de incluir toda a costa portuguesa. Penso que a simbologia de percorrer a pé toda a costa continental deste país vai ter um efeito persuasor muito grande e fazer chegar a mensagem de uma forma ainda mais eficaz.

Surftotal:Com tantas iniciativas existentes a nível nacional e internacional sobre esta temática do plástico, porque razão esta vai ser diferente? e porque vai sensibilizar mais as pessoas?

Andreas Noe: É uma forma especial de comunicar, usando muito humor e música  para alertar a comunidade para este problema ambiental. A ideia é a de assim conseguir chegar a mais pessoas, e distanciar-me da abordagem mais usual ao problema. A ideia principal não é a de limpar as praias, nem a de focar especialmente em Portugal, já que este é um problema global. O mais importante é sabermos recusar e tentarmos reduzir o plástico de uso único. Aprender várias formas de termos um estilo de vida mais sustentável
Esta iniciativa está a incluir imensos parceiros ao longo de toda a costa numa conversa e colaboração a um nível que nunca tinha sido feito.

 

 



Surftotal:Como será a dinâmica da sensibilização às pessoas? Haverá uma abordagem directa ou será apenas através de vídeos e fotos?

Andreas Noe: Sim, a abordagem directa é o principal objectivo desta caminhada. As fotos e vídeos servem para perpetuar esta iniciativa. Queremos dar ideias mas também ouvir o que as pessoas têm para dizer. Muitas das soluções já existem para a redução do uso de plástico. Precisamos de discutir as melhores formas de as implementar.
Todo este registo, que se materializará num documentário, será posteriormente usado para acções de educação ambiental.

 

 

 

 

"Portugal tem praias e ondas fantásticas..."

 

 

 

 

 

 

 



Surftotal:Acha que Portugal é um País com muitos problemas de plásticos nas Praias? comparado com outros Países Europeus?

Andreas Noe: O problema do lixo, principalmente plástico nas praias portuguesas é enorme. Existem sempre pontos da costa mais problemáticos que outros, devido a vários factores.
A grande maioria do plástico nas praias e no mar vem de embalagens de consumo de produtos, que são de plástico de um só uso. Portugal tem níveis deste consumo mais altos que vários países europeus e ao termos tantas zonas urbanas ao longo da costa, somos dos países com mais problemas nesta matéria.

Surftotal:Como tem sido viver em Portugal e desfrutar das ondas Portuguesas? Qual o balanço?

Andreas Noe: Portugal tem praias e ondas fantásticas. Muito positivo! E tudo pode ficar ainda melhor se resolvermos este problema com a ajuda de todos.

 

 

 

 

"Portugal é um bom país para viver,

 

pelas pessoas, pela comida,

 

e claro pela costa interminável..."

 

 

 

 

 

 

 



Surftotal:Na sua opinião Portugal é um País bom para viver? Porquê? Como vê o nosso País em termos sócio económicos?

Andreas Noe: É um bom país para viver, pelas pessoas, pela comida, e claro pela costa interminável.
A parte sócio-económica estava indo numa óptima direcção, mas é difícil de prever o futuro próximo devido a este vírus que tem vindo a afectar a saúde, a economia e a vida de muitas pessoas.


Surftotal:Quando sai o documentário?

Andreas Noe: Esperamos ter o documentário pronto no inicio de 2021.

 

 

 

 

"tudo pode ficar ainda melhor

 

se resolvermos este problema com a ajuda de todos..."

 

 

 

 

 

Perfil em destaque

vimeo

 

 

Scroll To Top