domingo, 27 setembro 2020 21:29

"Esta foi seguramente a melhor prova que realizei ao longo deste anos" - Rodrigo Chaves

Entrevistamos o Campeão Nacional de Surf Esperanças sub 16...

 

Terminou ontem, Sábado, em São Pedro do Estoril a final do Circuito Nacional de Surf Esperanças na categoria sub 16. Rodrigo Chaves foi o grande vencedor deixando na 2ª posição Santiago Graça, na terceira Francisco Queimado e na quarta posição Martim Nunes. A Surftotal esteve à conversa com o Campeão Nacional 2020 na categoria sub 16.

 

 

Surftotal: Rodrigo tens tido um carreira em ascenção, este titulo reflete o teu trabalho dos últimos anos?

Rodrigo Chaves: Tenho trabalhado, durante vários anos, para estar onde estou nos dias de hoje. Muitos treinos, muitos campeonatos, e ao longo destes anos fui ganhando experiência nas competições até conseguir alcançar os meus objetivos.

 

 

 

 

"A chamada ao estágio da selecção teve claramente uma grande influência

 

para me motivar mais para as provas que vieram a seguir

 

e conseguir evoluir o meu surf..."

 

 

 

 Rodrigo a manobrar vertical - Click por Caparica Waves

 

 

 

Surftotal: Sabemos que foste chamado aos estágios da seleção nacional de surf, isso teve influencia na tua motivação por forma a evoluíres cada vez mais no teu surf?

Rodrigo Chaves: Fui chamado para o estágio da seleção que decorreu há não muito tempo, e sim, teve claramente uma grande influência para me motivar mais para as provas que vieram a seguir e conseguir evoluir o meu surf. Estando a surfar ao lado dos melhores surfistas da minha idade, claramente dá-me garra para surfar melhor e dar o meu máximo em todos os aspetos.

 

Surftotal: Conta-nos como foi esta prova? As ondas estavam a teu gosto? Quais os 2 heats que gostaste mais de competir nesta prova e porquê?

Rodrigo Chaves: Esta prova foi seguramente a melhor prova que realizei ao longo deste anos pois consegui manter as minhas notas constantes e consegui estar mais consistente no meu surf. As ondas estiveram muito boas para realizar uma disputa ao título nacional pois é uma onda que nos permite mostrar o nosso potencial. Os dois heats que gostei mais foram as meias finais men on men e a final. Porque foram dois heats em que consegui demonstrar o meu surf e consegui alcançar boas notas.

 

 

 

 

"A nível nacional o surfista que mais me inspira é o kikas.

 

Acho que é um grande exemplo não só como surfista mas como grande atleta..."

 

 

 

 

  Rodrigo Chaves focado - Click por Caparica Waves

 

 

 

Surftotal: Quem é o ou a surfista que mais te inspira a nível nacional? E a nível internacional?porquê?

Rodrigo Chaves: A nível nacional o surfista que mais me inspira é o kikas. Acho que é um grande exemplo não só como surfista mas como grande atleta que é em geral. Acho que trabalha muito e isso reflete-se depois na água. A nível internacional admiro vários surfistas, mas o que admiro mais é o Clay Marzo pela forma como ele surfa a onda e o seu estilo de surf para mim não parece humano pela criatividade no seu surf.

 

Surftotal: A ultima viagem que fizeste onde foi?  Com quem foi e que ondas apanhaste?

Rodrigo Chaves: A última viagem que fiz foi à Indonésia, mais precisamente às mentawai. Fui com a Academia Profissional de Surf onde estão os meus melhores companheiros do surf, incluindo o meu primo Joaquim Chaves e o meu grande amigo Martim Nunes. Apanhamos altas ondas toda a viagem, dias grandes, dias com tubos tudo o que um surfista pode sonhar.

 

 

 

 

"Os meus objetivos nesta carreira que eu tenho vindo a construir

 

são definidos falados com os meus treinadores

 

e trabalhamos para atingi-los..."

 

 

 

 Rodrigo a finalizar a onda com bastante velocidade - Click por Caparica Waves 

 

 


Surftotal: Objetivos na tua carreira de surfista? Sao bem definidos? E os estudos? São para compatibilizar?

Rodrigo Chaves: Os meus objetivos nesta carreira que eu tenho vindo a construir são definidos, falados com os meus treinadores e trabalhamos para atingi-los. Em relação aos estudos acho que é muito importante conseguir compatibiliza-los com os treinos. Acho que é sempre importante ter um plano b pois não sabemos o que pode vir a acontecer no futuro .

 

Surftotal: A cultura do surf em Portugal, existe ou é um mito ainda? Porquê?

Rodrigo Chaves: A meu ver eu acho que a cultura existe. Em Portugal cada vez existem mais pessoas a começar a surfar e a estar ligadas a esta modalidade.

 

Surftotal: Algo mais a dizer?

Rodrigo Chaves: Acho que o Surf tem vindo a evoluir e a ser uma actividade cada vez mais respeitada como outros desportos como por exemplo o futebol. O que eu acho é que a minha geração e os meus colegas competidores e amigos surfistas fazemos surf porque gostamos de estar no mar, aprender coisas novas, inovar o nosso surf, surfar com amigos e acima de tudo divertirmos-nos enquanto o fazemos . Alguns competem outros não. São opções que cada pessoa toma mas no fundo o propósito disto tudo é porque nos divertimos ao fazê-lo .


Agora por último queria agradecer muito à surftotal pela oportunidade e a todas as pessoas e patrocinadores que tornam tudo possível nesta minha carreira .


Perfil em destaque

vimeo

 

 

Scroll To Top