Itens relacionados

segunda, 09 março 2015 09:10

Projeto ReDuna nas praias de S. João e do INATEL

"Pretende-se promover a fixação das areias, tornando o cordão dunar mais resistente à erosão provocada pelo vento e pelo mar."




Nas praias de S. João da Caparica e INATEL está a ser realizado o projeto ReDuna: Recuperação e Restauração Ecológica do Sistema Dunar de S. João da Caparica. Este projeto surge na sequência da alimentação artificial de areias nas praias efetuada no verão de 2014. Pretende-se promover a fixação das areias, tornando o cordão dunar mais resistente à erosão provocada pelo vento e pelo mar.


Incluem-se diversas medidas, como a instalação de paliçadas de vime para a retenção de areias transportadas pelos ventos, a plantação de espécies de plantas dunares que fixam as areias e estruturam a duna e o controlo de pisoteio com vedações e passadiço na praia do INATEL, para proteção das áreas de recuperação ecológica.


Na praia do INATEL, onde a erosão é mais forte e a duna foi destruída quase completamente em 2014, foi construído um passadiço para acesso à praia e ao paredão, com um miradouro de ondas: Use este miradouro com vistas até às praias da Costa e não atravesse as vedações e paliçadas porque estará a impedir que a vegetação se instale e a duna cresça.


Ajude-nos a proteger as áreas de restauração ecológica, não atravessando as vedações e divulgando o projeto.

O Reduna é uma iniciativa da Câmara Municipal de Almada, realizada em colaboração com a Agência Portuguesa do Ambiente.

Perfil em destaque

Scroll To Top