Itens relacionados

terça, 26 junho 2018 16:25

Dicas essenciais para sair de um agueiro

Vê já cinco dicas essenciais que irão manter-te a salvo… 

 

Um agueiro pode apresentar-se de diferentes formas, variando no tamanho, largura, profundidade, velocidade e potência. Os surfistas, ao contrário dos banhistas, têm um meio de salvamento (que é precisamente a prancha de surf) que lhes dá mais segurança no caso de serem puxados/levados para o outside.

 

O que são agueiros?

Os agueiros são zonas/correntes de mar muito perigosas para o banhista ou para o surfista iniciante que ainda tem pouca experiência. A água encontra sempre o seu equilíbrio próprio, ou seja, após o rebentamento de várias ondas na praia, a água regressa ao mar pelo local que oferece menos resistência. Normalmente isso verifica-se em zonas sem ondas e mais profundas. Isto é a corrente de agueiro também conhecida como “Rip Current”.

 

 

Como identificar uma corrente?

A corrente para o mar pode usualmente ser identificada por uma cor da água diferente, mas também por se encontrar revolta e com movimento contrário, ou seja, para fora do mar e da linha de rebentação.

 

 

O que fazer se estiveres num agueiro?

 

1. Mantém a calma, o inverso só te vai fazer perder energia;

2. Não tenhas vergonha em pedir ajuda (o mais cedo possível);

3. Traça uma linha diagonal em relação à praia e procura o local que tenha mais ondas;

4. Aproveita a força das ondas a teu favor;

5. Nunca, em hipótese alguma, largues a tua prancha. 

 

Já agora, aproveita e lê também Como perder o medo de ondas e 7 razões para começar a surfar.

Boas ondas!

 

--

Artigo elaborado em parceria com a Carcavelos Surf School

 

 

 

Perfil em destaque

Scroll To Top