Em dias quentes, refeições leves e mais frequentes são as mais indicadas. Em dias quentes, refeições leves e mais frequentes são as mais indicadas. Foto: DR

Itens relacionados

quarta, 29 agosto 2018 10:45

Hidratação é fundamental nos dias quentes

Clica para ver algumas recomendações alimentares no teu dia a dia… 

 

O verão ainda não acabou e em muitas zonas do país a praia e o sol ainda são usufruídos na sua máxima plenitude. Até porque as aulas ainda não começaram e as ondas já dão sinal ao longo da costa.

 

Por esse motivo, eis algumas recomendações alimentares para os dias mais quentes

 

1.

Mantém-te bem hidratado mesmo que não sintas sede. Aumenta a ingestão de água e infusões sem adição de açúcar ao longo do dia;

 

2. 

Dá um sabor saudável à tua bebida. Podes aromatizar a tua água, de forma natural, adicionando um pedaço de fruta (limão, laranja, lima, etc), hortícolas (pepino, etc), especiarias (canela, etc) ou ervas aromáticas (hortelã, etc);

 

3. 

Opta por alimentos sólidos que são ricos em água como frutos e hortícolas, seja cozinhados ou em cru;

 

4.

Come sopa para hidratares. É a forma mais segura de hidratação no verão, podendo sempre optar pelas suas versões frias (ex.: gaspacho);

 

5. 

A água é portátil. Lembra-te de ter sempre contigo uma garrafa de água, em particular quando te deslocas, seja para a praia, em exercício físico, numa viagem longa de automóvel, etc;

 

6

Evita bebidas alcoólicas, excessivamente açucaradas ou com cafeína, em particular na época de verão. Em vez de hidratarem contribuem para a perda de água. Além disso, o álcool em excesso é um forte agressor do sistema hepático;

 

7. 

Monitoriza a ingestão de água. A cor da urina pode ser um marcador do nosso estado de hidratação. Esta deve ser abundante, incolor e inodora;

 

8. 

Faz refeições leves e mais frequentes. Por sua vez, evita refeições pesadas e muito condimentadas. Escolhe também locais com uma boa oferta de bebidas saudáveis;

 

9. 

Acondiciona e transporta os alimentos mais perecíveis (queijo, iogurtes, marisco, ovos, etc.) em geleiras, sacos ou malas térmicas com cuvetes de gelo ou placas frias para manter a temperatura. Uma infeção alimentar aumenta perigosamente o risco de desidratação;

 

10. 

Vigia os grupos familiares de risco, em particular as crianças e incentiva os amigos a beber água ao longo do dia, seja na praia ou no local de trabalho. O mau humor e o bom desempenho cognitivo têm muito a ver com uma hidratação adequada!

 

Depois disto, já sabes, é essencial que te mantenhas hidratado.

Boas ondas! 

 

--

Ler também: 

A importância dos antioxidantes na nutrição de um atleta

Começar o dia com energia graças à gengibre e curcuma

Perfil em destaque

Scroll To Top