segunda-feira, 19 julho 2021 11:15

Como funciona a onda Shidashita - onde vai decorrer a estreia olímpica do surf

no Japão...

 
 
 
A localização do palco do surf olímpico
 
Situada na cidade de Ichinomiya, na província de Chiba, no Japão, Shidashita, também conhecida como Praia de Tsurigasaki, é um dos pontos centrais do surf japonês.
A praia está localizada a cerca de 65km a leste de Tóquio, a capital japonesa e cidade-sede dos jogos olímpicos que se realizam este ano. É nesta praia de areia preta vulcânica que iremos assistir a 20 homens e 20 mulheres competir na estreia olímpica do surf.
Desde que foi anunciado como o palco do surf olímpico, o surf spot passou a receber mais surfistas do que nunca visto antes. 
Este trecho arenoso recebe mais de 600.000 surfistas todos os anos e é previsto que o número aumente com a contagem decrescente para os Jogos Olímpicos de Tóquio que arrancam já no dia 23 de julho.
 
 
 
 
 
 
A praia na cultura japonesa
 
Ao entrar na praia podemos encontrar o portão japonês do Tori, que significa "o portão de Deus".  Na cultura japonesa, a praia é considerada uma porta para Deus entrar do oceano a terra, e nesta praia podemos encontrar esta porta mesmo em frente ao pico principal.
 
 
 
 
Foto: surfersmag.de
 
 
 


As ondas na Praia de Shidashita
 
Shidashita é um beachbreak com 2 quebra-mares de cada lado que se projetam aproximadamente 70m para dentro do oceano, ajudando a manter a areia, o que torna as condições no local consistentes.
É a consistência pela qual Shidashita é conhecida que levou a praia a receber competições do WQS 6000 nos últimos 3 anos, sendo que é aqui que encontramos os principais surfistas profissionais do Japão.
No início do verão, quando a praia se encontra com bons bancos de areia e recebe swell de sul, a onda faz um tubo em frente ao quebra-mar do lado sul.
Na maior parte do tempo, o beackbreak recebe ondas pequenas e divertidas, mas tal poderá vir a mudar na estreia olímpica do surf com a passagem de um tufão pelo Japão nos primeiros dias do evento.
A praia tem um certo localismo japonês, mas desde que os surfistas sigam as regras e etiqueta do surf terão aqui boas sessões de surf.
 
 
 
 
Foto: splashguesthouse
 
 
 
 
 
As melhores condições
 
Shidashita funciona em todas as marés, no entanto, a maré baixa a meia maré são mais favoráveis.
A melhor direção do swell é de sudeste e vento este/noroeste.
 
 
 
 




 

Itens relacionados

Perfil em destaque

Scroll To Top