Ao contrário da KS Wave Co, a Wavegarden parece ter uma estratégia para o futuro. Ao contrário da KS Wave Co, a Wavegarden parece ter uma estratégia para o futuro. Foto: DR

Itens relacionados

segunda, 26 fevereiro 2018 12:44

Aluga-se Surf Ranch!!!

Novo boato no mercado em resposta à estratégia de expansão da Wavegarden… 

 

Há tempos já tivemos oportunidade de falar da “guerra silenciosa” entre a Wavegarden e a Kelly Slater Wave Company. Ambas estão no mercado e procuram conquistar a sua quota-parte do negócio. No entanto, as estratégias são diferentes entre uma e outra. 

  

A Wavegarden parece seguir uma política de expansão e franchising, tendo recentemente comunicado a abertura da primeira The Cove na Austrália durante a Páscoa de 2019. Na calha, até 2028, espalhados pelo Down Under, estão outros 9 parques de surf do género. 

 

Já a KS Wave Co, por sua vez, poucos passos deu na sua comerciação. Sabemos que foi dado o aval para a abertura de um complexo na Florida, terra natal de Kelly Slater, mas que, além da etapa do Championship Tour que está prevista para este ano, pouco mais se sabe sobre o processo de viabilidade económica e se, de facto, a querem expandir comercialmente a nível mundial.

 

Ora bem, de acordo com um rumor recente, divulgado durante o fim de semana pelo site Beach Grit, a ideia para o futuro da KS Wave Co não passa por vender ingressos individuais em troca de 1 hora de surf ou algo do género. Ao invés, passa antes por alugar as instalações a 100% do Surf Ranch… seja a grandes entidades corporativas como também a nível individual e pessoal. 

 

Imaginem a próxima festa de aniversário ter lugar no Surf Ranch com os vossos 50 melhores amigos? Possível? Claro, mediante o pagamento de qualquer coisa que não se sabe quanto será mas que andará à volta, segundo a peça, dos 30 a 90 mil dólares por dia. O preço da oferta é definido pelo valor da procura. Ouch. Neste campo, é certo e sabido que há muita gente com muito dinheiro que não olha a meios para levar por diante as suas extravagâncias. 

 

Realçamos que nada está confirmado e para já não passa de um boato, mas a ideia de incluir a KS Wave Co num target de turismo mais restrito e de luxo já foi mencionada anteriormente. Não é definitivamente novidade. Poderá ser uma forma de rentabilizar o conceito. 

 

Será que, no futuro, veremos um casamento entre campeões do surf ter lugar no Surf Ranch?

Viável? Impossível? Surreal? Vocês pagariam?

Perfil em destaque

Scroll To Top