Teresa Bonvalot a competir em águas japonesas. Teresa Bonvalot a competir em águas japonesas. Foto: WSL/Kawana

Itens relacionados

sexta, 19 outubro 2018 10:06

A aventura nipónica para Teresa Bonvalot e Camilla Kemp

Etapa 49 da Qualifying Series na mira das portuguesas… 

 

Na madrugada de hoje, na Okuragahama Beach, Hyuga, Japão, iniciou-se o White Buffalo Women’s Hyuga Pro (QS3,000), etapa número 49 do circuito mundial de qualificação (WQS) feminino que termina no próximo dia 21. Teresa Bonvalot e Camilla Kemp, 16.º e 63.º classificadas no ranking mundial, são as presenças lusas no evento. 

 

Quanto à competição, Teresa Bonvalot foi a primeira a ter que mostrar serviço, no Heat 3, superando as suas adversárias com relativa facilidade. A surfista de Cascais registou 10.14 pontos, enquanto Autumn Hays, dos Estados Unidos, ficou em segundo com 9.90. A australiana Ashlee Spence ficou pelo caminho, em terceiro, com 8.20 pontos de score. A portuguesa assinalou a onda mais forte da bateria - 5.17 pontos. 

 

Seguiu-se-lhe Camilla Kemp, no Heat 12. A surfista do Guincho acabou por mostrar por que é a nova campeã nacional, conseguindo nas suas duas últimas ondas construir a pontuação final do heat: 11.27 (6.77 + 4.50). Camilla arredou a  sempre favorita Leilani McGonagle, da Costa Rica, para a segunda colocação (11.17) e a australiana Lucy Littlechild, ao ficar em terceiro com um score muito baixo, disse adeus à competição.

 

Para a próxima ronda a concorrência aumenta de grau de dificuldade. No Heat 2, Teresa Bonvalot irá competir com Brianna Cope (Havai), India Robinson (Austrália) e ainda Sage Erickson, a norte-americana que corre o World Tour feminino. Já Camilla entra no Heat 6 e terá pela frente três adversárias japonesas: Mahina Maeda, Maiko Miyasaka e Sara Wakita. 

 

De salientar que, além de Sage, também outras surfistas de gabarito internacional e que fazem atualmente parte da elite se encontram na grelha competitiva. Casos de Dimity Stoyle (Austrália), Paige Hareb (Nova Zelândia), Tia Blanco (Costa Rica), Isabella Nichols (Austrália), Pauline Ado (França), Macy Gallaghan (Austrália), Brisa Hennessy (Costa Rica), Chelsea Tuach (Barbados) e Summer Macedo (Havai), entre outras. 

 

Esta prova pode ser de crucial importância para as aspirações de Teresa Bonvalot, pois, caso esta consiga um bom resultado e alcançar até as fases finais do evento, pode mesmo pular para os lugares de qualificação para o World Tour numa fase em que as contas se encontram muito perto do fim. 

Perfil em destaque

Scroll To Top