terça-feira, 17 maio 2022 12:47

Kanoa Igarashi, Jadson André e Jack Robinson em treinos por Uluwatu em Bali

Território onde irá decorrer o Quiksilver/Roxy Pro G Land

 

A 11 dias de arrancar a segunda metade da temporada do Championship Tour, onde restam somente 22 homens e 10 mulheres, sobreviventes do mid-season cut, há quem já tenha abandonado a Austrália, onde terão decorrido as últimas duas etapas, e embarcado para a Indonésia. Tal é o caso de Kanoa Igarashi, Jack Robinson e Jadson André que, mesmo entre o crowd de Uluwatu, em Bali, não passaram despercebidos.

Embora o Quiksilver/Roxy Pro G-Land, a 6º etapa da temporada e a primeira após o corte, aconteça em G-land, de 28 de maio a 6 de junho, ainda há tempo para desfrutar de uma das esquerdas mais procuradas na Indonésia, situada a 2 horas de distância de barco ou 5 horas de carro.

Recorde-se que os sucessivos avanços da pandemia foram restrigindo e condicionando as viagens. No entanto, a Indonésia tem dado novamente passos de abertura. Numa fase inicial, Portugal não estava integrado na lista de países cujos turistas poderiam entrar com Visto à Chegada, dispensando o E-Visa e o teste negativo, exigidos até então. Mas, desde 28 de abril, a Indonésia facilitou a entrada de cidadãos portugueses emitindo Vistos à Chegada aos mesmos.

 

Jack Robinson 

 

Quem também permanece entre os 22 primeiros do ranking mundial é Caio Ibelli que começou por entrar no CT esta temporada enquanto substituto mas cujos resultados fizeram-no alcançar um lugar. É por Keramas, também em Bali, que se encontra o brasileiro. Atrás de direitas compridas e glass.

 

 

 

Eis os atletas que prosseguem no Tour e têm em vista agora qualificarem-se para a finalíssima, a WSL Finals, onde só os cinco primeiros lugares no ranking competem pelo título mundial:

 

Ranking masculino + o wildcard atribuído a Gabriel Medina

 

Ranking feminino + o wildcard atribuído a Caroline Marks

 

 

Scroll To Top