BOONMAN AIR SHOW: “VEM LÁ UMA ONDULAÇÃO BASTANTE BOA” Francisco T. Santos

Itens relacionados

sexta, 18 abril 2014 12:24

BOONMAN AIR SHOW: “VEM LÁ UMA ONDULAÇÃO BASTANTE BOA”

Pedro Boonman em entrevista sobre o evento de dia 26 em Carcavelos. 

 

Falta quase uma semana para o Boonman Air Show presented by Fox, um evento de aéreos apresentado pelo surfista Pedro Boonman, e que irá acontecer no dia 26 de abril, na Praia de Carcavelos. No total são 16 convidados a competir entre si num formato normal de heats mas apenas passarão para a fase seguinte aqueles que derem os melhores aéreos, manobras essas que serão, a cada heat, premiadas com dinheiro. Durante a segunda etapa da Liga Moche, a SurfTotal falou com Pedro Boonman sobre o evento. E ficámos a saber quem é outro dos convidados: o local Edgar Nozes.

 

Como surgiu a ideia deste evento?

A ideia surgiu porque eu tinha de apresentar um projeto com o meu patrocínio, a Fox, e tentei englobar todos os meus patrocínios... Tentei ver um evento assim diferente e surgiu a ideia de um air show, visto que os aéreos também são manobras que eu gosto. 

 

Já conhecemos 8 participantes. Quando ficamos a conhecer os restantes?

Entretanto hão-de sair mais quatro e para a semana os que faltam. Têm de esperar para saber!

 

Como foi o processo de escolha dos surfistas?

Tentei arranjar atletas de norte a sul do país. Soube que o Mouzinho e Alex Botelho não vão entrar. Acho que têm outro evento. Do norte temos o João Guedes. O Edgar Nozes também vai entrar, é o atleta da casa. Bem, acabei por revelar já... [Risos]. Quanto aos outros, têm de esperar.

 

Como estamos em termos de surfistas que fazem aéreos?

Talvez devesse ter feito apenas 12 convidados porque não há muita gente a dar aéreos e como serão premiados com dinheiro... Mas mesmo assim, acho que os portugueses se destacam nas manobras aéreas.

  

Temos os brasileiros, como o Filipe Toledo e o Gabriel Medina a dar show nos aéreos. E nós como estamos?

Um bocadinho longe, mas com trabalho toda a gente pode lá chegar.

 

Quais as tuas expectativas para o dia do evento?

Tenho visto as previsões e acho que vem lá uma ondulação bastante boa. Espero que continue assim porque vai dar ótimas ondas e grande espetáculo. Está toda a gente convidada. 

 

Quais os teus objetivos para este ano?

Tentar chegar o mais longe possível. Mas estou mais focado no WQS e fazer o México e Peru no final de julho, acho. Estive agora em Espanha no Rias Baixas Pro, mas foi cancelado. E depois é ver se consigo angariar mais pontos e ver se consigo chegar a um seis estrelas.

 

Há pouco tempo tivemos o evento do Filipe Jervis. Cada vez mais os portugueses vão mostrando trabalho. Achas que é importante ir fazendo estes eventos para mostrares que estás cá?

Acho que sim, mas quero desde já esclarecer que não é um evento copiado do Jervis. O dele era online, este é presente na praia de Carcavelos, um dia com “x” surfistas. Muita gente não faz assim eventos fora do que estamos habituados a ver. É sempre bom.

 

Patrícia Tadeia

 

 

 

Perfil em destaque

vimeo

 

 

Scroll To Top