banner topf
O que deves fazer para remover um espinho de ouriço do mar Foto: DR

Itens relacionados

quarta, 01 abril 2015 14:40

O que deves fazer para remover um espinho de ouriço do mar

Algumas dicas importantes para uma remoção segura.

 

 

Pisar um ouriço do mar pode ser uma experiência dolorosa. Naturalmente que todos os que praticam desportos aquáticos estão mais expostos a estes ‘encontros’. Estes seres encontram-se geralmente em zonas próximas das margens, e embora nem todas as espécies sejam venenosas, os seus espinhos podem promover infeções bacteriológicas.

 

Remover o(s) espinho(s)

Certifica-te que o espinho não se quebrou dentro da tua pele. Se continua debaixo da pele, deves consultar um médico. Deixar qualquer objeto estranho debaixo da pele, independentemente de ser venenoso ou não, pode levar a infeções. Utiliza uma pinça para agarrar a ponta do espinho e remover da pele. Confirma bem se removeste tudo.

 

Ensopar a área com vinagre

Devido às propriedades naturais dos ouriços do mar, estes dissolvem-se quando em contacto com vinagre, que é por si só um produto anti-séptico.  Aquece um recipiente com vinagre branco,  mas não o suficiente para queimar a pele, claro.  Mergulha a área afetada no recipiente e deixa repousar até o vinagre deixar de estar quente. Isto vai ajudar a dissolver quaisquer resquícios de ouriços que não sejam visíveis a olho nú.

 

Ensopa a área em água quente

Depois do vinagre, molha a zona afetada com água quente. A água, como o vinagre, deve estar quente, mas não demasiado.  Novamente, mergulha a zona do corpo afetada na água, durante cerca de 30 minutos, ou até a água já não estar quente. A água vai ajudar a reduzir a inflamação e dor, ao mesmo tempo que ajuda a matar as bactérias que o vinagre tiver deixado para trás. Manter a inflamação reduzida vai ajudar a acelerar o processo de cura e reduzir as chances de infeção.

 

Em suma, nos tratamentos feitos em casa, a chave é remover os espinhos o quanto antes, e começar a aplicar o vinagre e a água. Se a infeção surgir, aí o melhor mesmo é visitares o teu médico.

Perfil em destaque

Scroll To Top