Occy foi o último goofy footer a vencer em Jeffreys Bay. Occy foi o último goofy footer a vencer em Jeffreys Bay. Foto: DR

Itens relacionados

sexta, 22 junho 2018 09:22

Occy foi o último goofy a vencer em J-Bay

E foi há 34 anos! Australiano regista a última vitória de um goofy em 1984… 

 

Não é segredo, os resultados são publicamente conhecidos, os últimos campeonatos em Jeffreys Bay têm sido dominados por surfistas de “stance” regular

 

Diz-se que, nas direitas de J-Bay, os regulares têm vantagem sobre os goofy footers, que surfam de costas voltadas para a onda. Esta é uma teoria que não é assim tão difícil de acreditar/provar. 

 

VÊ AQUI O ESTUDO QUE DIZ QUE OS SURFISTAS PREFEREM SURFAM DE FRONTSIDE

 

Na verdade, já passaram trinta anos (Mais até! 34 anos!) desde que Mark “Occy” Occhilupo venceu nas direitas de Jeffreys Bay. Foi em 1984 que o australiano conseguiu esse feito, derrotando na altura o havaiano Hans Hedemann na final. 

 

Ao contrário do ano passado, com Matt Wilkinson a ter a possibilidade de quebrar essa marca deixada pelo campeão mundial de 1999, uma vez que o australiano se encontrava a liderar o ranking mundial, em 2018 os holofotes viram-se para Italo Ferreira e Gabriel Medina, terceiro e quarto classificados na tabela mundial.

 

E esse súbito destaque não é de estranhar nem é descabido, pois na presente temporada Gabi registou um terceiro lugar em Bells Beach e Ferreira já assinalou mesmo duas vitórias em points de direitas - Bells Beach e Keramas. Poderão eles conseguir o que muitos têm vindo a perseguir, mas não têm sido capazes de alcançar? 

 

Vale realçar que, nos últimos três anos, em 2017, 2016 e 2015, Italo Ferreira não passou do Round 3, ficando sempre em 13.º lugar na geral, o que não augura bons ventos a seu favor. O mesmo não se pode dizer de Gabriel Medina que, após quintos lugares em 2015 e 2016, alcançou mesmo as meias-finais (3.º lugar) e a sua melhor classificação de sempre na rainha sul-africana no ano de 2017. 

 

Na última edição foi Filipe Toledo, de posição regular, que venceu sem dó nem piedade numa última bateria disputada com o português Frederico Morais, também ele de stance regular. 

 

CONHECE AQUI A ONDA RAINHA DA ÁFRICA DO SUL

 

A previsão do Corona Open J-Bay, que tem lugar entre 2 e 13 de julho, ainda não é conhecida, mas raramente esta etapa desilude e não regista boas ondas. Portanto, Gabriel Medina e Italo Ferreira são agora os atletas visados, que podem quebrar uma marca antiga e aproveitar para fazer novamente história. 

 

Vamos cruzar os dedos e esperar que os melhores do mundo nos surpreendam... Uma vez mais!

 

Historial

A edição inaugural deste campeonato teve lugar em 1981 e contou com uma vitória do sul-africano Shaun Tomson. Occy, como já referimos, venceu em 1984. Porém, entre os mais vitoriosos podemos encontrar os sul-africanos Seth Hulley (1992, 1995) e Jordy Smith (2010, 2011), os australianos Michael Barry (1993, 1998), Joel Parkinson (1999, 2009) e Jake Paterson (2000, 2001), todos com duas vitórias cada.

Entre os mais medalhados estão Kelly Slater e Mick Fanning. O norte-americano e o australiano dividem, entre eles, 8 vitórias, 4 para cada um - KS: 1996, 2003, 2005, 2008; MF: 2002, 2006, 2014, 2016. 

 

Perfil em destaque

Scroll To Top