Evento está apontado para a madrugada de 21 de janeiro. Evento está apontado para a madrugada de 21 de janeiro. Foto: DR

Itens relacionados

quinta-feira, 17 janeiro 2019 12:00

Está a chegar um eclipse total e uma super lua sangrenta

Diz-se que em Portugal se poderá ver tudo… 

 

Portugal é um dos países que vai conseguir ver, na totalidade, o primeiro grande evento de 2019. A 21 de janeiro, acontece um eclipse lunar total, numa noite que se prevê também de super lua — aquele momento em que ela está mais perto da Terra, e por isso parece maior.

 

Os eclipses lunares acontecem porque, na sua trajetória pela órbita da Terra, a lua atravessa duas fases: nova quando fica entre a Terra e o Sol, e cheia quando a Terra é que fica entre a lua e o Sol. 

 

Quando a Terra está entre a lua e o Sol (Lua Cheia) e o nosso planeta projeta nela a sua sombra, esta pode escurecer a lua durante até cinco horas, dependendo das condições.

 

Durante o eclipse, a lua fica normalmente vermelha porque a luz do sol atravessa a atmosfera da Terra durante o pôr e o nascer do sol, e a sua luz é refletida na lua.

 

No eclipse do ano passado, a lua ficou coberta durante uma hora, 42 minutos e 57 segundos, o que a tornou a mais longa dos últimos anos. 

 

Segundo a NASA, este eclipse será visível no lado noturno da Terra, ou seja na América do Sul e do Norte e em algumas zonas do oeste e norte da Europa. O resto da Europa e de África pode assistir apenas ao seu final. E várias regiões do mundo não terão qualquer visibilidade.

 

Em Portugal, vamos poder ver tudo, mas teremos de ficar acordados durante toda a noite. Na madrugada de 21 de janeiro, a lua começará a entrar na penumbra (a sombra mais ténue) pelas 2h35 da madrugada. Tudo isto na madrugada de domingo, 20, para segunda-feira, 21.

 

Às 3h34, a lua entra na sombra: a fase em que começa a ser coberta e a ficar com o tom laranja. E deverá ficar completamente coberta a partir das 4h41 da manhã.

 

Pelas 5h12, hora de Portugal, o eclipse total atinge o seu máximo, e começa “a sair da totalidade pelas 5h44”. Isto significa que a lua ficará mais de uma hora totalmente tapada.

 

A partir das 5h44, começa então a sair da sombra, e sai dela totalmente pelas 6h55, devendo tudo terminar pelas 7h50. A lua nasce às 17h06, de dia 20, e põe-se às 8h22, de dia 21, o que quer dizer que, se as condições climatéricas assim o permitirem, a visibilidade será “mesmo total”.

Perfil em destaque

Scroll To Top