banner topf

Itens relacionados

quinta, 21 março 2019 09:04

VASCO RIBEIRO E CAROL HENRIQUE SEGUEM EM FRENTE NO QS6000 DE MANLY BEACH E DEIXAM PARA TRÁS TERESA BONVALOT

O quarto dia do Vissla Sydney Surf Pro e o Sydney Women´s Pro pres. by Sisstrevolution, respectivamente o circuito masculino e feminino do Qs 6.000 teve início ontem às 20:30 (hora de Portugal) e viu os portugueses Vasco Ribeiro e Carol Henrique seguirem em frente, enquanto Teresa Bonvalot se despediu de Manly Beach

 

Carol Henrique foi a primeira portuguesa a entrar em prova e começou o heat 8 da ronda 2 contra a australiana Holly Wawn, a argentina Josefina Ane e a surfista da Costa Rica Brisa Hennessy, logo com uma onda com muito backwash o que lhe dificultou a tarefa e valeu apenas um 2.83 em 10 pontos possíveis.

 

Mas Carol não desanimou e continuou a procurar oportunidades de melhorar a sua pontuação acabando por encontrar uma onda onde aproveitou ao máximo a única secção ao bater bem, terminando com cutbacks e arrecadando assim um 3.60 em 10 pontos possíveis.

 

Ainda assim a portuguesa não estava satisfeita e logo ao chegar ao outside virou o nose para a praia de Manly fazendo uma direita com várias rasgadas até areia obtendo a sua melhor nota até então de 6.10 em 10 pontos possíveis.

 

Já a líder do heat, Brisa Hennes, decide arrancar numa direita desfazendo todas as secções da onda de forma explosiva o que valeu uma nota na casa do excelente, um 9.17 em 10 pontos possíveis.

 

A local australiana Holly Waves, ao arrancar numa onda que lhe valeu uma pontuação de 5.67 em 10 pontos possíveis, acaba por tirar Carol Henrique do 2º lugar.

Mas nos minutos finais do heat a onda que Carol Henrique tão esperava veio ter com a portuguesa. Carol esteve à altura conseguindo combinar várias rasgadas até à areia tirando a local Holly Waves do campeonato ao obter um 6.10. em 10 pontos possíveis.

 

Carol Henrique vê assim a sua continuação no campeonato ao avançar para a ronda 4.

 

Já Teresa Bonvalot não viu um desfecho tão feliz no heat 9 da ronda 2 que contou com a americana Alyssa Spencer, a australiana Paige Herb e a japonesa Sara Wakita.

Teresa viu a surfista americana iniciar o heat ao ligar o turbo para a direita onde partiu todas as secções com turns, o que valeu um 7.33 em 10 pontos possíveis.

 

Não satisfeira, Spencer, arranca logo de seguida novamente numa direita sólida que lhe valeu um 5.47 em 10 pontos possíveis.

 

Já a japonesa Wakita, com o seu estilo natural e surf fluído, construiu duas ondas de 5.17 e 4.50 em 10 pontos possíveis, assegurando assim o 2º lugar.

 

Teresa Bonvalot não parecia estar em si e usou mal a sua prioridade, que guardou durante quase metade do heat, pontuando apenas um 2.10 em 10 pontos possíveis.

 

Após a fraca pontuação a portuguesa fez um restart mental e encontrou uma direita que lhe permitiu bater forte até à areia, somando um 6.33 em 10 pontos possíveis à sua pontuação.

 

Teresa Bonvalot renasceu ao apanhar uma direita onde surfou de forma semelhante à sua onda anterior, obtendo assim um 6.10 em 10 pontos possíveis passando diretamente para o 2º lugar.

 

Mas, já nos minutos finais do heat, Sara Wakita agarrou uma direita que ligou com o inside e com a sua abordagem natural realizou várias combinações de rasgadas e turns mudando o heat radicalmente ao soar da buzina ao obter uma pontuação de 7.77 em 10 pontos possíveis,  passando directamente para 1º lugar pondo Spencer em 2º lugar e Teresa Bonvalot em 3º lugar, à frente de Paige Hareb.

 

A surfista portuguesa viu assim a sua prestação chegar ao fim em Manly Beach, num heat de muita emoção.

 

Vasco Ribeiro, o único português a competir no circuito masculino neste terceiro dia de provas entrou no heat 7 da ronda 3 contra o Australiano Jackson Baker, o japonês Hiroto Ohhara e o americano Cole Houshmand.

 

O heat começou com muita vontade com os atletas a apanharam ondas, mas nesta troca de ondas foi o surfista japonês quem levou a melhor conseguindo um 4.67 em 10 pontos possíveis.

A meio do heat o português Vasco Ribeiro fez duas ondas onde utilizou, nas pequenas secções, o seu peso bruto a seu favor ao combinar turns explosivos com rasgadas sólidas, o que lhe valeu um 4.80 e um 6.83 em 10 pontos possíveis passando diretamente para o 1º lugar.

 

Nesta fase do heat Hiroto Ohhara encontrava-se em 3º lugar, mas rapidamente passou para o 2º lugar quando, logo a seguir ao português Vasco Ribeiro, faz uma esquerda com 3 turns de backside que lhe valeram um 6.60 em 10 pontos possíveis.

 

Vasco geriu muito bem o heat e aos 5 minutos encontra uma direita que maltrata nas três secções da onda com muita bruteza, fechando o heat com um sólido backup de 5.87 em 10 pontos possíveis, à frente do surfista Japonês.

 

Vasco apresenta desde o primeiro dia de prova um bom momento de forma e vontade de continuar em Manly Beach.

O evento tem nova chamado hoje às 20.00 (hora de Portugal) e conta com Vasco Ribeiro no heat 5 da ronda 4 e Carol Henrique igualmente no heat 5 da ronda 4 do circuito feminino.

Perfil em destaque

Scroll To Top