banner topf
quarta, 28 agosto 2019 22:36

OWEN WRIGHT VENCE GABRIEL MEDINA NA FINAL DO TAHITI PRO TEAHUPO’O

O campeonato repleto de tubos intensos nos últimos dias de prova ficam na história do evento... 

Depois de termos assistido ontem a um dia épico cheio de tubos monstruosos que ficaram na história de Teahupo'o, as expectativas continuaram altas hoje no último dia de provas do Tahiti Pro Teahupo’o.

A competição iniciou com a realização do primeiro heat dos quartos-de-final que pôs frente-a frente o surfista brasileiro Jadson André e o australiano Owen Wright.

 

JADSON ANDRÉ WSL/DUNBAR

O super disputado heat destacou-se pelo show de tubos intensos de ambos os atletas com muitas notas na casa do excelente que deixaram os espectadores num estado de pura adrenalina. Mas no final foi Owen Wrigh quem levou a melhor ao pontuar o primeiro 10 perfeito neste último dia, com um backup de sonho de 9,07 pontos em 10 pontos possíveis.

De destacar também o terceiro heat disputado pelo campeão mundial Gabriel Medina e o surfista francês Jeremy Flores. Medina demonstrou muita inteligência sobre as condições bastante paradas que se apresentaram, procurando o west bowl (onde a onda fica mais rasa e cria um tubo oco) para construir as suas pontuações, o que se revelou ser a chave de sucesso para levar o surfista brasileiro à semifinal.

 

JEREMY FLORES WSL/DUNBAR

No último heat dos quartos-de-final o mar voltou a brindar os surfista com grandes tubos, onde os últimos 15 minutos foram uma verdadeira batalha de trocas de ondas e liderança até ao final entre o havaiano Seth Moniz e o brasileiro Caio Ibelli.

 

CAIO IBELLI WSL/DUNBAR

Tudo levava a parecer que a vitória estava do lado de Caio Ibelli depois do brasileiro conseguir um tubão que lhe valeu 8,83 pontos, mas Seth Moniz manteve a postura e nos últimos minutos acabou por virar o heat com um tubo muito técnico de backside pontuado com um 8,77.

 

SETH MONIZ WSL/DUNBAR

No primeiro heat da semifinal o gigante Owen Wright reacendeu a chama competitiva com dois tubos com muito controlo de 8,00 pontos e 7,13 pontos, logo nos primeiros 10 minutos do heat.

Enquanto o sul-africano Jordy Smith parecia estar em modo vegetal, o australiano aproveitou o momento para substituir o seu backup com uma nota de 7,67 pontos e avançou para a sua segunda final consecutiva no Tahiti pro Teahupoo, após ter ficado em 2º lugar na final do evento no ano passado.

 

OWEN WRIGHT WSL/DUNBAR

No segundo heat da semifinal Seth Moniz teve a oportunidade de criar pressão no marcador ao surfar uma bomba gigante, mas o havaiano acabou por cair à saida do tubo.

O matador Gabriel Medina aproveitou os erros iniciais do rookie de Oahu para pôr pressão com um tubo de 6,33 pontos e ganhar assim a prioridade.

Seth Moniz tentou voltar ao heat aos 15 minutos com uma onda de 5,03 pontos, mas ao surfar a onda logo atrás, Medina respondeu com um 4,83 refortalecendo a sua liderança até ao fim do heat.

 

GABRIEL MEDINA WSL/DUNBAR

A esperada final faz-nos sentir em modo déjà-vu ao vermos os surfistas Gabriel Medina e Owen Wright a marcar presença pela segunda vez consecutiva em Teahupo’o.

A final começou com uma disputa pela prioridade durante alguma parte do heat, mas o australiano não cedeu e acabou por levar a melhor.

Medina não perdeu tempo e pôs um 4,83 no marcador para pôr pressão a Owen Wright para que o surfista cedesse a prioridade.

O australiano caiu na armadilha, mas deu a volta sobre a prioridade do brasileiro com um 6,17  assumindo a liderança.

Medina não cedeu à pressão e respondeu momentos a seguir com a melhor nota do heat até então, um 7,83, voltando à liderança. O brasileiro ainda usou a prioridade para melhorar o seu backup com um 7,10, mas logo a seguir Owen Wright respondeu com a sua melhor nota, um 7,73.

 

OWEN WRIGHT WSL/DUNBAR

Aos 5 minutos finais o australiano apanha uma onda no west bowl sobre a prioridade de Medina e fez o tubo do heat, com uma nota excelente de 9,17 pontos substituindo logo a seguir a sua nota de backup com um 7,90 vencendo o Tahiti Pro Teahupo’o numa vingança amigável.

 


Perfil em destaque

Scroll To Top