Itens relacionados

terça-feira, 28 janeiro 2020 08:55

BILLY KEMPER VENCE QS DE SUNSET OPEN, NO HAVAI

Enquanto Jacome Ferreira chegou à ronda 4...

 

O Sunset Open, etapa do circuito masculino da Qualifying Series com estatuto de 1.000 pontos terminou ontem em Sunset Beach, Oahu, Havai em ondas de dois a três metros e sagrou o havaiano Billy Kemper campeão do evento e o francês Kauli Vaast vice-campeão.

Billy Kemper conquistou sua segunda vitória no evento do QS numa final cheia de ação contra os surfistas juniores Kauli Vaast, Eli Hanneman e Koa Smith. Este é um dos melhores momentos da vida de Billy Kemper que, além de se ter sagrado campeão na etapa havaiana ontem, surfou a onda da sua vida em Jaws no passado dia 23 estando já nomeado na categoria "Ride of the year 2020" dos Big Waves Awards da World Surf League.

A etapa, que tinha uma janela de espera de 18 a 28 de Janeiro contou com a presença dos portugueses Gabriel Ribeiro, Luis Perloiro e Jacome Correia.

Gabriel Ribeiro entrou em prova no primeiro dia do evento, mas os seus resultados não o permitiram seguir em frente tendo a sua prestação ficado pela ronda de abertura.

Já Luis Perloiro entrou na ronda 3, mas também não consegui ir mais longe ao ver-se eliminado num heat liderado pelo havaiano  Eli Hanneman.

Por sua vez Jacome Correia, que iniciou a sua prestação no evento na ronda 2 foi abrindo caminho até à ronda 4, mas acabou por ver a sua esperança de seguir em frente ser aniquilada pelo havaiano Koa Smith, que dominou o heat confortavelmente deixando o surfista açoriano em terceiro lugar atrás do australiano Mitch Coleborn.

Já na final, o campeão mundial de ondas grandes, Billy Kemper mostrou o seu domínio ao fazer uma das melhores ondas do evento, um quase perfeito 9.50, apenas igualado pelo havaiano Jackson Bunch na ronda 2. Com um total combinado de 15.75 pontos, Billy Kemper somou os 1000 pontos da etapa havaiana deixando Kauli Vaast em segundo lugar e os havaianos Koa Smith e Eli Hanneman em terceiro e quarto lugar, respetivamente.

 

"É uma ótima forma de começar o ano, ganhando este evento", disse Billy Kemper. "Isso traz muita confiança e fluidez para o ano novo. Sinto-me ótimo, estou muito entusiasmado. Tem sido um inverno longo e estou super feliz agora, estou muito feliz ... Cada vitória, é um vício, é um sentimento que eu tenho trabalhado muito duro para conseguir atingir e, quando o consegui, fiquei um pouco obcecado em persegui-lo repetidamente. De Pipe a Sunset e Jaws, todos foram igualmente incríveis, é como um estado de fluxo em que tu entras ".

 

Perfil em destaque

Scroll To Top