Expansão do porto de Corralejo ameaça as ondas e o ecossistema nas Canárias Fotografia de Manu Miguelez
sexta-feira, 03 dezembro 2021 10:52

Expansão do porto de Corralejo ameaça as ondas e o ecossistema nas Canárias

Obra de 33 milhões de euros pode causar danos ambientais.

 

 

Os planos para a expansão do porto de Corralejo, nas Ilhas Canárias, tem preocupado os surfistas e os residentes devido aos danos que a obra pode causar. O projecto vai custar cerca de 33 milhões de euros, e pode resultar no desaparecimento das ondas na área, nomeadamente Punta Elena, El Muelle e Lobos. Além disso, residentes estão preocupados com a poluição gerada pela expansão do porto, e como ela vai afectar a sua vida e a vida marítima, numa área que, em teoria, goza de especial protecção ambiental.

O fotógrafo local Manu Miguelez explicou que “a expansão do porto vai afectar o ecossistema, as correntes e as ondas. A nova doca comercial será grande o suficiente para acolher cruzeiros, conhecidos por serem grandes poluentes que afectam a vida marítima. […] O projecto vai resultar numa diminuição da qualidade das praias e vai promover um turismo em massa que não coaduna com o actual contexto de emergência climática. Não é sobre as ondas, é sobre o futuro dos nossos filhos”.

Está neste momento a circular uma petição que se opõe a esta construção e apela à promoção do ecoturismo, protegendo o ambiente e a cultura das Canárias.

 

Canarian Weekly

Itens relacionados

Scroll To Top