Itens relacionados

sábado, 28 julho 2018 22:53

Portugal lidera corrida ao título do Eurosurf Junior

 

Portugal tem 11 atletas nas últimas baterias e está em vantagem para a conquista do título do Eurosurf junior.

Hoje foi um dia decisivo no Eurosurf Junior 2018. Com boas ondas de 1m a 1.5m, sol e muito público na praia, os melhores juniores da Europa bateram-se nas fases finais das suas categorias pelos tão desejados lugares nas grandes finais, que irão atribuir os títulos europeus individuais e por equipas.

Com a competição a aumentar, a tensão entre as seleções candidatas ao título máximo do surf europeu veio ao de cima, com episódios de marcação entre atletas e algumas remadas mais vigorosas, nada que não seja habitual em campeonatos deste nível.

 Neste momento, e quando faltam realizar apenas as grandes finais das restantes categorias (à exceção da de Bodyboard Feminino Sub-18, disputada ontem e vencida pela portuguesa Filipa Broeiro), além da final das repescagens em Surf Sub-18 masculino, Portugal tem 11 atletas nas últimas baterias da prova, enquanto Espanha e França conseguiu colocar 8 atletas cada nas mesmas baterias, com a seleção espanhola a ter ainda potencial para um nono atleta.

 Isto dá uma vantagem virtual à seleção nacional, que procura defender o título, repetindo o lugar alcançado aqui em Santa Cruz, em 1996, resultado que lançou as carreiras de atletas como Tiago Pires, David Luís, Ruben Gonzalez ou Pedro Monteiro.

 “Tudo será decidido amanhã, nas grandes finais,” afirmou David Raimundo, selecionador nacional. “A diferença entre os dois primeiros lugares e os restantes pode fazer a diferença. Mas sim, temos uma vantagem virtual, neste momento. E o espírito da equipa é bastante positivo!” concluiu o ex-atleta, que pertence a essa geração que conquistou aqui o título europeu em 1996.

 Assim, temos ainda em prova Joel Rodrigues e Pedro Ferreira em Bodyboard Sub-16, David Vedor e Miguel Ferreira em Bodyboard Sub-18, António Dantas em Longboard Sub-18, Martim Nunes e João Mendonça em Surf Sub-14, Guilherme Ribeiro e Afonso Antunes em Surf Sub-16, e Mafalda Lopes em Surf Sub-18 feminino, além da já campeã da Europa Filipa Broeiro, em Bodyboard Sub-18 feminino.

Assim, Portugal perdeu hoje mais dois atletas. Francisca Veselko foi eliminada na final das repescagens em Surf Sub-18 feminino, terminando mesmo assim a prova num honroso quinto lugar (Francisca tem apenas 15 anos e está a competir em Sub-18), enquanto Salvador Couto acabou por sucumbir na quinta fase das repescagens em Surf Sub-18, terminando este Eurosurf Junior 2018 em oitavo lugar na sua categoria, depois de ontem Diogo Martins ter conseguido o décimo primeiro posto na mesma categoria.

O dia foi ainda marcado por um incidente com uma família de golfinhos, que se aproximou bastante da zona de rebentação, escoltando um dos seus elementos, já morto, em forma de despedida. O episódio foi rapidamente entendido pelo Water Patrol de serviço ao evento, o experiente surfista local Sérgio Cosme, que juntamente com um atleta do campeonato nacional de Bodysurf, que hoje também se disputou no Ocean Spirit, trouxe o golfinho morto para terra, que foi encaminhado para as autoridades competentes.

O Eurosurf Junior 2018 terá a sua chamada final amanhã, com o check-in marcado para as 9h da manhã, na Praia do Mirante.

 

O Eurosurf Junior 2018 pode ser acompanhado em direto e ao vivo através do sítio do Ocean Spirit, em www.oceanspirit.pte www.eurosurfing.org/live. Todos os dias de prova podem ser vistos em diferido em www.youtube.com/eurosurfing.

 

Perfil em destaque

Scroll To Top