Itens relacionados

terça-feira, 29 abril 2014 22:13

EVENTOS E SPONSORS: HOJE NO CICLO DE CONFERÊNCIAS SURF E PERFORMANCE

Um dos nomes mais influentes na história do surf

 

Nascido em 1957 em em San Mateo, Califórnia, foi criado em Oahu, e começou a surfar aos três anos. Michael Ho venceu a ‘boys division’ em 1970 nos USA Surfing Championships e aos 15 anos acabou em terceiro lugar nos World Surfing Games de 1972, onde foi considerado o surfista mais entusiasmante e progressivo do evento. 


Michael tornou-se um dos primeiros surfistas profissionais a tempo inteiro no Havai, e era considerado por muitos na época como o melhor surfista ‘posicional’ do mundo, pela sua extraordinária capacidade de estar no sítio certo da onda e explorar as seções com uma linha limpa e ‘clean’. 


Dada a sua morfologia, (não chegava a 1,70m), Ho nunca conseguiu ter o poder explosivo de outros atletas, mas ninguém rivalizava com ele em termos de velocidade e agilidade, e esteticamente o seu estilo era, igualmente, único. Michael foi também considerado um dos melhores ‘tuberiders’ do mundo em meados dos anos 70 . O seu irmão mais novo, Derek, tinha uma estilo muito semelhante, e seria campeão do mundo em 1993.


Michael, que chegou a ser número 3 no ranking mundial em 1978, foi, durante os anos que esteve no ‘tour’, sempre uma figura discreta, ao contrário do que se revelava com amigos e família.


Apesar das suas boas performances em vários pontos do globo, nunca venceu uma prova fora do Havai. Todavia, no North Shore, foi um competidor temível durante 25 anos: cinco vezes finalista do Pipeline Masters, que venceria em 1982; finalista em oito ocasiões e vencedor em duas (1978 e 1981); venceu quatro Xcel Pros (1988, 1990, 1991 e 1996); ganhou também em duas ocasiões a Triple Crown (1983 e 1985); participou ainda em quatro eventos Quiksilver in Memory of Eddie Aikau em Waimea.


Um dos seus feitos mais notáveis foi ter ficado em segundo lugar no Pipeline Masters de 1997, quando já contava com 40 anos de idade. Em 2012 foi introduzido no Surfing Walk of Fame em Huntington Beach.


Michael participou em mais de 35 filmes de surf e o seu nome ainda perdura e brilha ao mais alto nível, através dos seus filhos, Mason e Coco Ho, ambos surfistas profissionais de excelência. 

 

Perfil em destaque

Scroll To Top