Ocean DEPTH Comparison (3D Animation) MetalBall Studios
segunda-feira, 18 outubro 2021 09:55

O mergulho com garrafa mais profundo do mundo foi mais fundo que a altura da Torre Eiffel

Como seria se colocássemos edifícios icónicos dentro do mar?

“Talassafobia” é o que se chama ao medo patológico do mar: dos seus segredos, da sua profundidade, das suas criaturas. Mas mesmo para quem não tem esse horror aos oceanos, é possível que sinta um pequeno friozinho na barriga ao pensar no quanto há de vasto e misterioso no fundo dos oceanos. É também difícil ter uma noção de quão profundo e quão misterioso é realmente o mar.

Este vídeo mostra à escala os vários níveis de profundidade do mar em diferentes zonas, usando como referência elementos mais familiares aos humanos, para que possamos ter uma noção maior do que estamos a ver.

Vemos aqui, por exemplo, que o mergulho mais profundo do mundo, realizado por Ahmed Gabr (332 m) foi mais profundo do que a altura da Torre Eiffel (324 m).

 

 

Na imagem abaixo vemos a Estátua da Liberdade e o Titanic afundado a 3700 m, em contraste com a profundidade média do Oceano Atlântico (3646 m) e do Índico (3741 m).

 

Se o Monte Evereste (8848 m) fosse colocado no fundo do Oceano Pacífico (11000 m), o seu pico chegaria ao ponto mais profundo do Oceano Atlântico (8376 m).

 

Vê o vídeo para ganhares uma maior perspectiva sobre qual é realmente a profundidade dos oceanos, em comparação com as referências que conseguimos ver à superfície. Quer seja medo, espanto ou curiosidade, o mais provável é que estas imagens despertem alguma dessas emoções.  

Itens relacionados

Scroll To Top