ActivoBank
Regresso ao Tour de Kelly Slater permanece no segredo dos deuses. Regresso ao Tour de Kelly Slater permanece no segredo dos deuses. Foto: Steve Sherman/WSL

Itens relacionados

terça, 20 março 2018 09:47

Kelly Slater poderá voltar a competir apenas em maio

Temporada no World Tour espera-se muito inconsistente... 

 

Fazendo o rescaldo do Quiksilver Pro na Gold Coast e da ausência de Kelly Slater, ainda a recuperar da lesão no pé feita em julho do ano passado, hoje demos por nós a analisar o calendário do Championship Tour. 

 

Nessa análise breve concluímos que, muito provavelmente, o 11x campeão mundial só estará de volta à competição em maio. Falhará, portanto, as próximas três etapas (Rip Curl Pro Bells Beach, Margaret River Pro e Oi Rio Pro). A concretizar-se, isto são más notícias para os fãs, mas uma boa oportunidade para Michael February brilhar, o jovem surfista sul-africano que toma o seu lugar em caso de ausência. 

 

Até maio vão dois meses, um pouco mais, eventualmente o tempo que o norte-americano necessita para não sentir dor e se preparar para a… Founders’ Cup of Surfing que acontece no Surf Ranch logo a 5 e 6 de maio. 

 

Okay, trata-se de um evento especial da World Surf League que não conta pontos para nenhuma competição oficial, mas Kelly Slater vai querer competir e apresentar-se ao melhor nível. Afinal de contas, ele é o capitão da equipa americana e o campeonato disputa-se “em sua casa”. 

 

Além disso, a partir daqui o World Tour ganha uma nova dinâmica e apresenta três provas consecutivas que servem de feição os propósitos do veterano de 46 anos: 

 

Bali Pro Keramas - 27 maio a 9 junho

Corona Open J-Bay - 2 a 13 julho

Tahiti Pro Teahupoo - 10 a 21 agosto

 

Ninguém quer perder esta série de três fantásticos eventos, nem mesmo Kelly Slater. Portanto, vamos ver o que os próximos tempos vão revelar e de que forma a recuperação tem lugar. No entanto, parece-nos que esta será definitivamente uma temporada muito intermitente para Kelly Slater, de comparências e ausências sistemáticas. E no meio da inconsistência, já se sabe, dificilmente se alcançará o 12.º título mundial da carreira. 

 

O Rip Curl Pro Bells Beach está ao virar da esquina (28 março a 8 de abril) e em breve deveremos ter algumas confirmações de forma a substituir todas as especulações que vão tendo lugar (incluindo esta). Até lá, mantenham-se atentos! 

 

Founders’ Cup of Surfing | Preço dos bilhetes para assistir | Kikas na equipa europeia

 

 

 

 

Perfil em destaque

Scroll To Top