Itens relacionados

sábado, 05 abril 2014 17:56

JOHNY SURF ART: O SURF COMO EXPRESSÃO ARTÍSTICA

Johny Vieira, de Santa Cruz, combina as suas duas paixões

 

Johny Vieira tem 26 anos e mora perto de Santa Cruz. Amante e praticante de surf há muitos anos, trabalha em automação industrial, e ainda é juíz de surf em part time. Johny conseguiu unir a sua paixão pelo surf a uma vontade de se exprimir criativamente, e daí surgiu este projeto, sobre o qual falou à SurfTotal.


Fala-nos sobre este projeto. Como surgiu a ideia? Quais as tuas metas?
Johny Surf Art começou em outubro do ano passado. Um dia acordei, olhei para uma moldura e imaginei uma onda em 3D a sair de trás da moldura e a rebentar em cima da mesa, em vez de uma foto emoldurada. Achei brutal e original a ideia! Pensei como é que iria fazer aquilo e nessa semana fiz o protótipo - sim porque não posso chamar aquilo uma onda - (risos), e desde aí, no tempo vago, tenho estado a entreter-me a criar ondas e a pintar também. As ondas estão divididas em sets,1º Set, 2º Set 3º Set. Cada set vem acompanhando a evolução do projecto, pelos tipos de materiais e técnicas que vou descobrindo ao tentar melhorar. Johny Surf Art é uma mistura de surf e arte, sensações e memórias, porque ao apreciar estas ondas ao vivo, parece que sentes aquela sensação que o surf te dá quando vês uma onda apetitosa a rebentar, passo horas a contemplá-las! Para já quero divulgar os meus trabalhos, organizar umas exposições e pôr estas ondas disponíveis em surfshops e pela internet. Sonhando bem alto, quem sabe, um dia conseguir viajar com uma caravana/atelier de pico para pico, destruindo ondas no mar e criando ondas em terra!


Como funciona o teu processo criativo? Quais os materiais que utlizas?
Ando sempre a procura de ondas perfeitas nas revistas, filmes e internet para ganhar inspiração, perceber os jogos de cor e a fisionomia das ondas. Depois, quando começo a moldar o formato da onda, esqueço-me um pouco de isso tudo, e vou fazendo conforme o que me vai surgindo na cabeça. Desde que comecei com este projecto fico muito mais atento aos pormenores das ondas a quebrar quando estou no mar. Tenho usado molduras em madeira, desde 15cm a 95cm de comprimento. Quanto mais comprida mais realça a beleza da onda. Imagino se é uma esquerda pesada ou uma direita clássica, ou etc. Quando já tenho a ideia, começo a moldar o gesso pouco a pouco para que possa secar e ganhar resistência. Depois de seco esculpo o gesso com cuidado para criar os pormenores. Depois passo à parte da pintura, que também é desafiante - tentar imitar o translúcido da água! Como Da Vinci disse e bem:
Nunca o Homem inventará nada mais simples nem mais belo do que uma manifestação da Natureza”! Por fim envernizo para dar mais brilho e proteger a pintura, e pronto!Tudo isto é feito a mão e sem moldes, as ondas maiores chegam a demorar entre 15 a 20 horas de trabalho, o que torna cada peça especial e única!



Como surgiu a tua ligação ao surf ?
Começou em Santa Cruz, quando tinha 13 anos, ia com os amigos a pé para a praia e passávamos lá os dias e o nadador salvador ia nos dando umas dicas. Desde aí que surfo sempre que posso, em boa e pouca companhia de preferência! Estou grato por surfar, é sem dúvida uma das pérolas da Natureza!


Queres deixar alguma mensagem?
Obrigado a todos, espero que gostem. Boas ondas a todos e tratem bem da Natureza!

Website:
johnysurfart.wix.com
Facebook:
www.facebook.com/johnysurfart
Instagram: @johnysurfart

 

Perfil em destaque

Scroll To Top