KELLY SLATER CAI PERANTE ARITZ ARANBURU ASP

Itens relacionados

domingo, 19 outubro 2014 16:23

KELLY SLATER CAI PERANTE ARITZ ARANBURU

Campeão do mundo… só no Havai.

 

O americano Kelly Slater acaba de ser eliminado por Aritz Aranburu, e não aproveita a eliminação de Gabriel Medina no heat anterior. Slater andou sempre a ‘correr atrás’ do basco, que cedo tomou a liderança, e não conseguiu encontrar nenhuma onda para ultrapassar Aritz, que deixou, certamente, Medina a suspirar de alívio. O campeão do mundo será encontrado apenas na última etapa, em Pipeline, no Havai.



Kelly Slater

“Mais do que tudo estou a sentir-me mais frustrado do que propriamente chateado. Nunca penso no oceano… as coisas simplesmente acontecem, as ondas chegam até mim. A primeira oportunidade que tive não foi assim tão boa…. No final até fiquei surpreendido pelo Artiz me ter deixado apanhar uma. Não encontrei nenhuma que fosse boa.

Não é o meu ano. Normalmente a magia acontece quando estás no teu ano. Tenho sorte de estar no topo… Mas ainda é possível vencer em Pipeline…. Agora tenho mesmo de vencer lá.”

Quanto ao favorito não há dúvidas. “Olhando para estas condições o John John é obviamente um dos preferidos ao troféu. Se ele vencer aqui, poderemos estar lado a lado. Acho que seria óptimo se ele vencesse esta prova.”

Analisando a bateria do Gabriel Medina, Kelly não respondeu directamente à questão, optando por analisar toda a situação do dia de hoje. “O heat antes do Gabriel foi o do Owen Wright e acho que ele é um dos melhores neste tipo de mar e ele fez apenas um 2.83 e isso dá-nos uma ideia do que se passa lá fora. E antes o John John fez um 10…por isso tanto podes fazer um 10, como um 1… não queres ir lá fora e apanhar ondas boas e ter um 3 ou um 5… queres ser paciente. Eu fui paciente durante 10 minutos e depois apanhei uma onda má e o Aritz apanhou a de trás, que poderia ter sido minha… mas é assim…são decisões que fazemos.”

Aritz Aranburu

“Claro que toda a gente está concentrada no título do mundial, mas cada surfista tem de se concentrar no seu trabalho. Foi uma bateria muito importante e tenho tentado fazer bem o meu trabalho e fico feliz que tenha estado do meu lado.”

“Estou muito contente por poder estar ao lado dos melhores do mundo e adoro estar aqui em Supertubos”, disse quando questionado sobre como está a ser o ano no tour. 

“Agora vou tentar concentrar-me na próxima bateria e fazer o melhor possível”, acrescentou.

Enquanto falávamos com o atleta Basco, Kelly Slater partia pranchas e distribuía os bocados pelos fãs, que não paravam de gritar pelo seu nome. 

Perfil em destaque

Scroll To Top