Itens relacionados

segunda, 31 agosto 2015 17:03

Teresa Bonvalot sagra-se bicampeã nacional de surf aos 15 anos

Surfista de Cascais conquistou hoje o título no Miss Sumol Cup, na Costa Nova.

 

 

Teresa Bonvalot venceu esta segunda-feira o Miss Sumol Cup, prova do Circuito Nacional de Surf e, mais uma vez na Costa Nova, sagrando-se bicampeã nacional.

 

A atleta, de 15 anos, conquistou o título nacional pela primeira vez na anterior edição da Miss Sumol Cup e, este ano, repetiu a dose, um feito inédito no surf feminino português. Encerra da melhor maneira a XI Miss Sumol by Entreposto A. Fontes com a atribuição de mais um título nacional.

 

A surfista de Cascais não entrou da melhor maneira na prova, quedando-se por um segundo lugar nos quartos-de-final. Porém, logo nas meias-finais emendou a trajectória e foram dois primeiros lugares e a vitória no Campeonato.

 

No heat decisivo, Teresa Bonvalot teve que se aplicar, porque Camila Kemp deu muita luta e acabou por perder por apenas 0.45 pontos. Uma final renhidíssima.

 

Aliás, Camila Kemp entrou fortíssima, atacando as ondas e procurando manobrar com definição, colocando-se na frente da bateria. Carina Duarte na sua primeira onda colocou-se em segundo, mas pouco depois Teresa Bonvalot, também com a sua primeira onda, roubou-lhe essa posição e começou a atacar o resultado de Camila Kemp.

 

Enquanto isso, Ana Sarmento tentava encontrar-se com as ondas, numa posição mais a Norte. Não foi uma boa opção e a boa onda nunca apareceu.

 

Na luta pela vitória, Camila Kemp segurou bem a liderança, demonstrando um surf agressivo e espectacular, com Teresa Bonvalot a procurar a onda que virasse a bateria, enquanto Carina Duarte demonstrava algumas dificuldades.

 

No último terço da final, ou seja, nos últimos 10 minutos, a campeã nacional em título conseguiu a onda que lhe permitiu subir ao primeiro lugar. Até final, nada mais de registo que alterasse a situação, terminando a final na seguinte ordem: 1º Teresa Bonvalot (11.90 pontos); 2º Camila Kemp (11.45 pontos); 3º Carina Duarte (9.40 pontos); 4º Ana Sarmento (6.25 pontos).

 

Camila Kemp, apesar do segundo lugar, demonstrou um surf de qualidade e isso valeu-lhe as três melhores notas da Miss Sumol Cup 2015, com duas ondas pontuadas com 8.25 e ainda uma de 7.25 pontos. Por outro lado, conseguiu ainda o melhor resultado, com um total de 16.50 pontos.

 

Na questão do título nacional, Carina Duarte precisava de vencer ou de, pelo menos, não ficar atrás de Teresa Bonvalot, mas o terceiro lugar arruma definitivamente o caso, quando ainda falta disputar uma prova do calendário.

 

Nota ainda para a atribuição do título de Miss Simpatia a Ana Sarmento.

 

As actividades paralelas de iniciação ao surf e bodyboard e ainda demonstrações de slackline voltaram a decorrer, num dia em que o Sol demorou a expulsar as nuvens ameaçadoras, acabando por ficar um dia de praia bem agradável, em que a temperatura da água voltou a surpreender pela positiva.

Declarações das finalistas:

Teresa Bonvalot (1º lugar) – “É bom voltar a ganhar o Campeonato aqui na Costa Nova, onde as condições são óptimas. Gosto de surfar aqui, as ondas são boas. Há três anos vim cá pela primeira vez e estavam altas ondas, no ano passado também estava bom e hoje também estava. Acho que não podia estar mais contente com mais este título de campeã nacional”


Camila Kemp (2º lugar) – “Senti-me bem e surfei bem, mas não encontrei a onda que me desse o que procurava e precisava para ganhar. Foi um bom campeonato e fiz um segundo lugar, que é sempre bom, pois o nível do Circuito é elevado”


Carina Duarte (3º lugar) – “Podia ter corrido melhor, mas estive a cair nas manobras. Foi bom. Na final houve menos ondas, era preciso calma e saber esperar e acho que me precipitei. A Camila e a Teresa apanhavam ondas e eu não! Sobre o título nacional, quando se começa a época é para vencer, mas as etapas alteram as coisas… Agora é tentar fazer sempre o melhor para conseguir patrocínios e surfar também lá fora”


Ana Sarmento (4º lugar) – “Gostei mais dos dois heats anteriores do que da final. Dá-me pica ver as mais novas surfar e sinto-me mais motivada, agora que só faço o Circuito Nacional. Tive uma má decisão quando escolhi outro pico, mas não gosto de estar no meio das adversárias. Foi bom e o meu objectivo era chegar à final. Adoro este campeonato e faço sempre por estar presente na Miss Sumol Cup”

Perfil em destaque

Scroll To Top